Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Secretária apresenta ações da SES em reunião com Federação das Santas Casas

Publicação:

Ações da SES foram apresentadas pela secretária Arita à diretoria da entidade.
Ações da SES foram apresentadas pela secretária Arita à diretoria da entidade. - Foto: Divulgação/SES

A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, participou nesta sexta-feira (14) da reunião de planejamento estratégico para o triênio 2020-2022 da Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos do Rio Grande do Sul. Na oportunidade, ela destacou algumas das ações realizadas pela Secretaria da Saúde (SES) e as perspectivas para esse ano.

O encontro contou com a presença do presidente da entidade, André Emílio Lagemann, e dos demais integrantes da diretoria da federação. Acompanharam a reunião por parte da SES a diretora substituta do Departamento de Assistência Hospitalar e Ambulatorial, Carla Pertile; a diretora do Fundo Estadual de Saúde, Meriana El-Kek; a técnica Juliana Patzer, do Núcleo de Doenças Respiratórias do Centro Estadual de Vigilância em Saúde; e o diretor do Departamento de Regulação Estadual, Eduardo Elsade.

Na oportunidade, Arita pontuou algumas realizações da pasta em 2019, como o retorno da regularidade nos repasses a municípios e hospitais. “Também foi possível que o Governo do Estado conseguisse pagar a dívida que tínhamos com os hospitais de anos anteriores”, afirmou. “Foram R$ 260 milhões em uma linha de crédito e a quitadas as pendências com os hospitais públicos de pequeno porte”, completou.

Ela falou ainda sobre a programação orçamentária para esse ano. “É um planejamento realista, para que, assim como em 2019, todos os programas sejam empenhados e liquidados, sem atrasos”, ressaltou. A secretária ainda abordou a nova proposta de incentivos aos hospitais no Estado. A questão é analisada por uma comissão que reúne gestores da secretaria além de representantes dos hospitais, municípios e secretarias municipais de saúde. O novo formato pretende unificar os diferentes tipos de repasses hoje financiados e propor uma nova política de incentivos.

Secretaria da Saúde