Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Semana Nacional do Doador de Sangue aumenta os estoques do Hemorgs, que segue precisando de contribuição

Publicação:

Otelio Drebes segura certificado no meio das três mulheres, duas profissionais de saúde. Uma das profissionais de saúde segura dois tubos de álcool em gel.
Empresário Otelio Drebes foi homenageado pela equipe do Hemorgs nesta sexta-feira (26/11) - Foto: Divulgação

Com a Semana Nacional do Doador de Sangue quase chegando ao fim, comemorado entre os dias 22 e 27 de novembro, a coordenadora do setor de captação do Hemocentro do Estado do Rio Grande do Sul (Hemorgs), Gesiane Almansa, considera “significativa” a melhora no número de doações de sangue ocorridas nos últimos dias, em comparação às semanas anteriores. Foram 372 doações entre segunda-feira (22/11) e sexta-feira (26/11), contra 239 bolsas doadas na semana anterior, um acréscimo de 56%. Porém, ainda está longe do ideal para retomar os estoques em um nível seguro e voltar à normalidade após o período de pandemia.

“Precisamos da colaboração de todos e de regularidade nas doações, pois os hospitais estão sempre precisando de sangue”, falou a coordenadora. São 42 hospitais da Região Metropolitana que utilizam os componentes do sangue doados no Hemorgs. Para atender a demanda, é necessária uma média de 100 bolsas de sangue doadas diariamente.

Em toda a rede do Hemorgs, que conta, ainda, com sete Hemocentros Regionais espalhados pelo Estado, houve uma redução média de 20% nas doações de sangue na pandemia.

Gesiane reforça que o processo da doação é rápido e seguro. Desde o início da pandemia, a equipe do Hemocentro segue todas as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS). Os doadores são recebidos por ordem de chegada dentro da capacidade de atendimento. Também está disponibilizado o agendamento prévio de horários pelo telefone (51) 3336-6755 ou pelo WhatsApp (51) 98405-4260.

O Hemorgs fica localizado na Av. Bento Gonçalves, 3722, junto ao Hospital Sanatório Partenon, em Porto Alegre. As doações podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, sem fechar ao meio-dia.

A imagem mostra a tabela de doadores, de quem doa para quem e de quem recebe de quem.
- - Foto: Divulgação

Homenagens
A Semana Nacional do Doador de Sangue movimentou o Hemorgs com a presença da banda da Brigada Militar e do mascote Hemotchê, além da entrega de homenagens a doadores e empresas parceiras. Entre os homenageados, na manhã desta sexta-feira (26/11), estava o empresário Otelio Drebes. Ele é idealizador da campanha Doar é Viver, que busca sensibilizar gaúchos de todas as regiões do Estado sobre a importância do ato.

A campanha já levou doadores a hemocentros de Porto Alegre, Caxias do Sul, Alegrete, Pelotas, Cruz Alta, Santa Maria, Santa Rosa, Passo Fundo e outras cidades. No momento, a campanha está agendando o cadastro de voluntários de Guaíba.

Conforme balanço feito pelos organizadores, a campanha, que começou em junho de 2020 e já está na segunda etapa, contribuiu para a captação de um volume de sangue suficiente para salvar mais de 10 mil vidas.

Veja o site Doar É Viver.

Mais informações sobre doação de sangue.

Marcelo segura um certificado. Do lado dele, o Hemotchê. Atrás, a banda da Brigada Militar.
Marcelo Batista da Costa também recebeu homenagem por ser um doador regular. Com 34 anos, já doou mais de 50 vezes. - Foto: Divulgação
Sírio e Hemotchê posam lado a lado. Atrás, aparece um homem sentado numa cadeira.
Até o Até o Papai Noel foi doar! Sírio Roberto de Paula, de Cachoeirinha, garantiu o Natal antecipado de quem precisa de sangue - Foto: Divulgação
Hemotchê e Papai Noel posam ao lado de banners na parte externa do Hemorgs.
Sírio Roberto de Paula, de Cachoeirinha - Foto: Divulgação
Leandro segura um certificado. Do lado dele, o Hemotchê. Atrás, a banda da Brigada Militar toca uma música.
Doador homenageado Leandro da Silva Pinto - Foto: Divulgação
Ademir segura um certificado e dois frascos de álcool gel. Entre ele, uma profissional de saúde e o Hemotchê. Atrás, a banda da Brigada Militar toca uma música.
Doador homenageado Ademir de Azevedo Vieira - Foto: Divulgação
Secretaria da Saúde