Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Aedes aegypti - dengue, zika e chikungunya

Banner Aedes com o escrito: O mosquito da dengue mata, previna para não cair doente. Figura do mosquito com o símbolo de não.
Banner campanha Aedes 2020. - Foto: Divulgação/SES
-
-

A transmissão da dengue, da Febre Chikungunya e do vírus Zika ocorre pela picada de mosquito Aedes aegypti. Ele tem em média menos de 1 centímetro de tamanho, é escuro e com riscos brancos nas patas, cabeça e corpo.

 
O Aedes costuma ter sua circulação intensificada no verão, em virtude da combinação da temperatura mais quente e chuvas. Para se reproduzir, ele precisa de locais com água parada. Por isso, o cuidado para evitar a sua proliferação busca eliminar esses possíveis criadouros, impedindo o nascimento do mosquito.

 

Veja abaixo os boletins de casos mais recente das doenças transmitidas pelo mosquito:

- Informativo Epidemiológico - SE 08 (21/02/21 a 27/02/21)

Informativo Epidemiológico - SE 13  (28/03/21 a 03/04/21)

Informativo Epidemiológico - SE 14 (04/04/21 a 10/04/21)

Informativo Epidemiológico - SE 15  (11/04/21 a 17/04/21)

Informativo Epidemiológico - SE 16 (18/04/21 a 24/04/21)

Informativo Epidemiológico - SE 17 (25/04/21 a 01/05/21)

Informativo Epidemiológico - SE 18  (02/05/21 a 08/05/21)

Tabela Autóctones - SE 08 (21/02/21 a 27/02/21)

Tabela Autóctones - SE 13 (28/03/21 a 03/04/21)

Tabela Autóctones - SE 14  (04/04/21 a 10/04/21)

Tabela Autóctones - SE 15  (11/04/21 a 17/04/21)

Tabela Autóctones - SE 16  (18/04/21 a 24/04/21)

Tabela Autóctones - SE 17 (25/04/21 a 01/05/21)

Tabela Autóctones - SE 18  (02/05/21 a 08/05/21)

Os demais Informativos Epidemiológicos, pode consultar através da página Informativo Epidemiológico das Arboviroses.

Links relacionados

Secretaria da Saúde